fbpx

Plenário da Câmara Municipal de Guarujá. Crédito: Portogente

Neste ano de eleições temos uma nova oportunidade de provocar os candidatos a prefeito e vereador para que elejam a mobilidade pública como uma prioridade para a região. Entre as cidades de Santos e Guarujá o trânsito das balsas segue sendo um grande dilema para quem atravessa todos os dias o para trabalhar. Logo, lutar pela implementação do túnel, que realiza esse trajeto em apenas cinco minutos, é lutar por melhor qualidade de vida para quem vive nessas duas cidades.


A ligação seca precisa deixar de ser um sonho, sair do âmbito da promessa. Países desenvolvidos contam com vários modais, enquanto Santos já vem sofrendo o impacto de engarrafamentos na hora do rush por falta de mais facilidades de locomoção para além do carro. A avenida Bartolomeu de Gusmão, que leva até a travessia Santos Guarujá, é exemplo dessa demora causada por excesso de automóveis. Com o túnel, o ciclista e o pedestre poderão fazer a travessia diariamente entre as cidades, ganhando tempo e saúde e evitando a demora e a poluição causada pelo uso do transporte por automóvel.


É preciso que a população esteja informada sobre o melhor sistema de ligação seca entre as duas margens do Porto de Santos e que possa reivindicar dos candidatos a vereadores e à prefeitura de Santos e Guarujá que discutam o tema abertamente com a sociedade. Até mesmo os políticos da região precisam de mais informações sobre os projetos de ligação seca para poderem defender a melhor opção para as duas cidades. Confira na coluna do Portogente uma pesquisa realizada com vereadores de Santos sobre o tema .